sexta-feira, 29 de março de 2013

Aparência dos Espíritos: Corpo Plasmático e Formas Plasmadas - por Carla Guedes





A aparência dos espíritos é algo que intriga a todos. Então hoje aqui falaremos um pouco sobre o "CORPO PLASMÁTICO E A SUAS FORMAS PLASMADA".
Para começar, temos que explicar que todos os espíritos possuem um corpo forma por plasma. E o que é o plasma? 
O plasma é a condensação de várias energias cristalizadas em diferentes quantidades. Assim temos o corpo plasmático, que envolve nosso corpo energético, pois forma um envoltório em todo ele, protegendo-o de energias prejudiciais.
Nos espíritos encarnados ele é um dos fatores que nos permite reduzir ao tamanho de um feto para encarnar. Ele nos reveste junto à epiderme (primeira camada do tecido epitelial) e vai crescendo conforme nosso crescimento.
Aproveitando o gancho, os nossos Guias Espirituais não são da nossa estatura, são muito grandes, pois o corpo plasmático permite que eles expandam o seus tamanho.
Os regentes dos pontos de força têm o tamanho exato do ponto de força que regem. Por exemplo, o regente de uma montanha tem o seu corpo espiritual do tamanho da montanha.
Voltando a falar sobre espíritos encarnados, o nosso corpo plasmático muda a cada ciclo reencarnatório. Assumimos a aparência do corpo da ultima vida. Uma pergunta que costumam muito me fazer é a seguinte:
"Quando faço uma viagem astral minha aparência é a mesma, ou meu espírito tem uma aparência diferente do meu corpo físico?"
A aparência é a mesma do corpo físico, até nos mínimos detalhes. Até uma simples cicatriz que adquiriu é impressa no seu corpo plasmático/espiritual. A única diferença é que seu corpo plasmático revela aquilo que não aparenta no seu corpo material: os seus vícios e virtudes. Uma pessoa que vibra sentimentos negativos pode atrofiar ou deformar um "órgão" do seu corpo energético, e as consequências disso podem ser uma doença no corpo material (ex: câncer).
Relatando uma experiência minha para ilustrar o texto, em projeções astrais já vi seres com órgãos sexuais danificados, pois possuíam desequilíbrio sexuais.
Também já vi casos de pessoas cegas, pois seus olhos espirituais estão completamente danificados, porque não deram bom uso à faculdade mediúnica de "clarividência".
Voltando ao texto, existem pessoas que embora sejam jovens, possuem o corpo plasmático com aparência muito envelhecida, pois se sentiam velhas e não se permitam aproveitar a jovialidade. O contrário também acontece: pessoas envelhecidas na matéria, porém jovens em espírito. Dai a expressão "Eu sou jovem de espírito". E a frase popular: "Bonita por dentro e fora" também se aplica, pois existem pessoas que têm a aparência espiritual tão bonita quanto a material. Em contraparte também encontramos um corpo material bonito acomodando um espírito de aparência terrível, devido aos inúmeros desequilíbrios. Porém, o corpo energético pode se regenerar conforme vai se desenvolvendo o processo de conscientização do ser.
O corpo espiritual por ser feito de plasma permite que sua forma seja alterada, e que o ser assuma uma FORMA PLASMADA conscientemente ou inconscientemente. Existem seres que estão tão negativados, presos em faixas vibratórias negativas onde se encontram seres bestializados, que possuem uma aparência animalescas. Alguns são metade cobra, aparência de morcego, rato, cão... etc.
Isto ocorre pois eles precisam conseguir se preserva e se adaptar ao meio onde vivem, que é o astral negativo mais denso. Eles se encontram presos a estes plasma, é uma forma inconsciente.
Uma forma consciente, é que conforme vamos despertando nossa memória espiritual e expandindo a nossa consciência, podemos escolher uma das aparências que possuíamos em nossas encarnações.
Um exemplo sutil de alteração de aparência: Nós vemos, quando vamos visitar as faixas negativas alteramos a cor dos nossos olhos para "vermelho", para nos adaptarmos ao ambiente de pouco luminosidade.
No ritual de Umbanda, os Guias Espirituais plasmam uma forma parecida com a do chefe de sua falange. Todos ostentam uma forma parecida. É uma imposição da Lei regentes dos mistérios que eles abandonem a sua forma individual e passem a ter uma forma coletiva, anulando sua identidade.
Exitem mistérios que só podem ser ativados se assumir a forma plasmada a hierarquia que o acolheu, instruiu e preparou;

PARA FINALIZAR: Cuide da sua aparência física, mais não deixe de atentar para sua aparência espiritual. Não adianta de nada ser vaidosa/vaidoso, se você tem um corpo espiritual apodrecendo. Vigie o seu mental, suas atitudes, sentimentos e pensamentos.

Saravá!

Nenhum comentário:

Postar um comentário